Nos últimos dois anos, o Programa de Cultura e Comunicação cresceu em termos de procura e de oferta. O Mestrado em Cultura e Comunicação e a Pós-Graduação em Comunicação e Tendências atingiram números recorde de candidaturas, logo na primeira fase, para o ano letivo de 2016-17, sendo também de sublinhar o aumento do número de candidatos ao Doutoramento em Estudos de Cultura.

Ao nível da internacionalização e das relações institucionais nacionais, o Programa de Cultura e Comunicação abriu, em articulação com a FBAUL e a ESCS-IPL, um curso de Pós-Graduação em Indústrias e Culturas Criativas, sendo que para o efeito foram estipuladas relações e protocolos com entidades da Câmara Municipal de Lisboa, com o objetivo de gerar mais sinergias entre a academia e a sociedade. Importa também sublinhar que no âmbito dos cursos de pós-graduação foi desenvolvido um projeto piloto de análise de narrativas culturais e criativas em espaço urbano para aplicação no âmbito da gestão cultural. Pretende-se que o projeto dê lugar a uma rede de investigação com as instituições mencionadas anteriormente, bem como com outras escola como a Fontys Academy for the Creative Industries (Países Baixos) e a ELISAVA Barcelona, com quem estão a ser desenvolvidos laços de cooperação.

Os docentes do programa, a par de publicações em revistas científicas, têm sido também ativos no desenvolvimento de atividades de divulgação científica, mediante a promoção de conferências científicas e de eventos de carácter profissionalizante, tais como a conferência Rhetoric Discourse and the Communicative Mind e o evento Beyond Creative. Ao nível da mobilidade, vários docentes do Programa deslocaram-se a Espanha e aos Países Baixos para efeitos de residências de investigação, comunicações científicas, desenvolvimento de estágios e contactos institucionais, palestras e tutorias em âmbito de formação, solidificando uma prática desejável de expansão internacional do programa.

A visita de escolas (alunos e professores) dos Países Baixos, de Espanha e de França (uma novidade em 2017), sublinha o reconhecimento do Programa de Cultura e Comunicação como um centro de destaque para a área do Estudo da Cultura e da Comunicação, dos Estudos de Tendências e das Culturas Criativas.

O resultados são divididos em categorias específicas, de acordo com o respetivo ano letivo.

» Junho 2017. Co-organização da conferência Rhetoric Discourse and the Communicative Mind, numa articulação entre o Centro de Estudos Clássicos e o Centro de Linguística.

» Abril 2017. Apresentação e exposição do Relatório Estratégico “Lisboa Cool: Um Mapa Criativo e Estratégico”.

» Março e Abril 2017. Co-coordenação da segunda edição do evento Beyond Creative, com o American Corner@FLUL. O evento terá lugar em vários espaços criativos de Lisboa, com foco na FLUL, na FBAUL e na ESCS em articulação próxima com o Creative Hub da Mouraria e outras entidades.

» Março 2017. Acolhimento de 60 alunos e de docentes da Fontys Academy for the Creative Industries (Países Baixos) numa semana criativa com os alunos, alumni e docentes do Programa de Cultura e Comunicação.

» Novembro 2016. Acolhimento de 30 alunos e de docentes da ELISAVA Barcelona numa sessão conjunta de workshop e de ação no terreno com os alunos e docentes do Programa de Cultura e Comunicação.

» Total de estudantes inscritos:  ≅ 80

» Candidatos a Mestrado: 31

» Candidatos a Pós-Graduação: 34+14

» Maio 2016. Co-coordenação do evento Beyond Creative: Fazer Acontecer nas Culturas e nas Artes, com o American Corner@FLUL e patrocinado pela Embaixada dos Estados Unidos da América em Lisboa. O evento teve lugar em vários espaços criativos de Lisboa, com foco na FLUL e contou com mais de 350 inscrições num largo conjunto de atividades.

» Março 2016. Acolhimento de 30 alunos e de docentes da Fontys Academy for the Creative Industries (Países Baixos) numa semana criativa com os alunos, alumni e docentes do Programa de Cultura e Comunicação.

» Dezembro 2015. Acolhimento de 20 alunos e de docentes da ELISAVA Barcelona numa sessão conjunta de workshop e de ação no terreno com os alunos e docentes do Programa de Cultura e Comunicação.

» Total de estudantes inscritos:  ≅ 60

» Candidatos a Mestrado: 22

» Candidatos a Pós-Graduação: 31

Aqui poderá encontrar as dissertações de Mestrado e de Doutoramento defendidas no Programa de Cultura e Comunicação.

*A integração dos registos ainda está numa fase inicial. 

/Cadete, Teresa /Juan Carlos Córdoba Laguna. 2017. “El metarrelato mediático de la violencia en Colombia: su espectacularización en una cultura del miedo. Tese de Doutoramento em Estudos de Cultura (Cultura e Comunicação), Universidade de Lisboa.

/Martins, Manuel Frias / Isabel de Jesus Rato Garcez. 2017. “O Papel da Edição Literária no Mercado da Cultura”. Tese de Doutoramento em Estudos de Cultura (Cultura e Comunicação), Universidade de Lisboa.

/Gouveia, Carlos / Silvia Valencich Frota. 2016. “O papel simbólico da língua na construção das identidades nacionais : o caráter identitário da discussão sobre o AO90 em Portugal”. Tese de Doutoramento em Ciências da Cultura – Comunicação e Cultura (Cultura e Comunicação), Universidade de Lisboa.

/Malafaia, Teresa /João José Craveirinha. 2015. “Comunicação e Cultura na Disseminação dos Sabores Tropicais”. Tese de Doutoramento em Ciências da Cultura – Comunicação e Cultura (Cultura e Comunicação), Universidade de Lisboa.

/Rodrigues, Ernesto / Filomena da Imaculada Conceição Pinto. 2015. “Cultura, arte e media na identidade Timorense”. Tese de Doutoramento em Estudos de Cultura (Cultura e Comunicação), Universidade de Lisboa.

/Martins, Manuel Frias/Nelson Pinheiro Gomes. 2015. “Comportamento de Consumo, Modas e Elites Sociais. Contributo para a Consolidação Disciplinar dos Estudos de Tendências”. Tese de Doutoramento em Ciências da Cultura – Comunicação e Cultura (Cultura e Comunicação), Universidade de Lisboa.

/Rodrigues, Ernesto / Vicente Paulino. 2012. “Representação identitária em Timor-Leste: culturas e os media”. Tese de Doutoramento em Ciências da Cultura – Comunicação e Cultura (Cultura e Comunicação), Universidade de Lisboa.

Gomes, Nelson / Ferreira, Stephanie. 2017.  “Moda e Cultura: Análise Cultural da Narrativa Publicitária associada à Marca Chanel”. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa.

Malafaia, Teresa/Sandra Lopes. 2016. Do Museu dos CTT ao Museu das Comunicações. A exposição ‘Vencer a Distância: Cinco Séculos de Comunicações em portugal. Proposta de Legendagem. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.

Malafaia, Teresa/ Elisangela. 2016. Estudo dos contributos da Cidade Velha da Ribeira Grande de Santiago na valorização e preservação da cultura Cabo-Verdiana. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.

/Malafaia, Teresa/Dino Rendição. 2016. A identidade do patriarca na família rural moçambicana em Jesusalém de Mia Couto. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.

/Malafaia,Teresa/Marina Arruda. 2016. A memória no resgate do passado – a Rua Augusta em São Paulo. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa

/Malafaia, Teresa/ Ana M. Castro. 2016. Coligação Portuguesa para a Diversidade Cultural. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.

/ Malafaia, Teresa/Nelson Gomes/Mara Silva Balbino. 2015. Emoções de um Consumo Hipermoderno. Branding de Moda e Tendências de Comportamento de Consumo. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.

/ Alice Magistrelli. 2015. Comment se forme évolue une cote d’artiste contemporain?  Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa. 13 de Março. (Manuel Martins)

/ Mônica Valle Vieira. 2015. Universidade Sénior na Universidade: Proposta de implantação de uma UTI na Faculdade de Letras. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa. 20 Janeiro. (Adelaide Meira Serras)

/André Lopes Esteves. 2013. Os Públicos do Centro Cultural e de Congressos das Caldas da Rainha.  Dissertação de Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa. 19 Novembro. (Ana Paula Laborinho)

/Malafaia, Teresa/Manon Agnes Pestel. Reinventar o lugar da Cultura. Dissertação de Mestrado em Cultura e Comunicação. FLUL. 18 Dezembro 2013.

/Malafaia, Teresa/Manuel Garcia e Ruiz. Steps towards na Urban Speech. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisbo/a.

Malafaia,Teresa/Cátia Guedes Marques.  Reflexos de Sangue. Dracula como Espelho da Era Vitoriana Tardia. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.

/Malafaia, Teresa/Ana Rita Duarte Graça. 2012. Os Novos Agentes Criativos: As Bibliotecas Universitárias. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.

/Malafaia, Teresa/Hugo Eiji Nakagawa. 2012. Culturas surdas: o que se vê, o que se ouve. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa.  14 de Dezembro.

/Malafaia,Teresa/ Maria Joao Sabbo. 2013. Serviços de Animação e Pedagogia em Portugal: O Museu da Cidade de Lisboa. Mestrado em Cultura e Comunicação. Faculdade de Letras, UL. 8 Abril.